O que rolou de lançamento literário em Setembro 2015

quinta-feira, outubro 01, 2015 | Postado por: Dúnia Majzoub

Faz um tempão que eu to querendo trazer meu gosto literário para o blog, mas nunca o faço! HAHAHA. Não queria fazer resenhas, porque é algo que já tem aos montes por aí, então ainda não tinha encontrado sobre o que escrever exatamente. Batutando minhas ideias , achei que ia ser legal criar uma espécie de "agenda" com tudo o que eu tô afim de ler dos lançamento do mês, isso ia me ajudar a sempre estar por dentro das novidades, e poderia compartilhar com vocês! E vou fazer isso sempre mais perto do fim do mês mesmo, depois que os lançamentos já foram feitos. Assim sei que não perco nada, e já coloco tudo na minha listinha de leitura.

Bom, vamos lá?

Dentiana: Rainha do exército das Fadas dos Dentes 
Depois de Nicolau São Norte e Coelhoberto Pascoal, um novo Guardião – ou melhor, Guardiã – surge para ajudar os protetores dos sonhos das crianças a enfrentar o terrível Breu, o rei dos pesadelos. No terceiro livro da série Os Guardiões, que inspirou o filme A origem dos Guardiões, ninguém menos que Dentiana, a fada dos dentes em pessoa, entra em ação para desvendar o novo plano de Breu. Durona e veloz, ela terá que enfrentar ainda um antigo inimigo que está atrás dos dentes que contém as memórias das crianças. Dentiana é mais uma aventura cheia de magia e surpresas criada pelo renomado escritor e ilustrador William Joyce.
Amei o filme da Lenda dos Guardiões e tô adorando essa série com a história de cada guardião, gente! Muito amor!

Dez Coisas Que Aprendi Sobre o Amor
Por quase 30 anos, quando a brisa de Londres torna-se mais quente, Daniel caminha pelas margens do Tâmisa e senta-se em um banco. Entre as mãos, tem uma folha de papel e um envelope em que escreve apenas um nome, sempre o mesmo. Ele lista também algumas coisas: os desejos e o que gostaria de falar para sua filha, que ele nunca conheceu. Alice tem 30 anos e sente-se mais feliz longe de casa, sob um céu estrelado, rodeada pela imensidão do horizonte, em vez de segura entre quatro paredes. Londres está cheia de memórias de sua mãe que se fora muito cedo, deixando-a com uma família que ela não parece fazer parte. Agora, Alice está de volta porque seu pai está morrendo. Ela só pode dar-lhe um último adeus. Alice e Daniel parecem não ter nada em comum, exceto o amor pelas estrelas, cores e mirtilos. Mas, acima de tudo, o hábito de fazer listas de dez coisas que os tornam tristes ou felizes. O amor está em todas as partes desta história. Suas consequências também. Sejam boas ou más. Até que ponto uma mentira pode ser melhor do que a verdade?
Londres, estrelas, listas e o Tâmisa, SÓ COISAS QUE AMO ENVOLVIDAS NESSE LIVRO. Dos lançamentos desse mês, é o que eu tô mais a fim de ler!


Grey 
Na voz de Christian, e através de seus pensamentos, reflexões e sonhos, E L James oferece uma nova perspectiva da história de amor que dominou milhares de leitores ao redor do mundo.Christian Grey controla tudo e todos a seu redor: seu mundo é organizado, disciplinado e terrivelmente vazio – até o dia em que Anastasia Steele surge em seu escritório, uma armadilha de pernas torneadas e longos cabelos castanhos. Christian tenta esquecê-la, mas em vez disso acaba envolvido num turbilhão de emoções que não compreende e às quais não consegue resistir. Diferentemente de qualquer mulher que ele já conheceu, a tímida e quieta Ana parece enxergar através de Christian – além do empresário extremamente bem-sucedido, de estilo de vida sofisticado, até o homem de coração frio e ferido. Será que, com Ana, Christian conseguirá dissipar os horrores de sua infância que o assombram todas as noites? Ou seus desejos sexuais obscuros, sua compulsão por controle e a profunda aversão que sente por si mesmo vão afastar a garota e destruir a frágil esperança que ela lhe oferece?
Tá, tô curiosa pra ler sim, ME JULGUEM! HAHAHA

João e Maria 
O prestigiado escritor Neil Gaiman e o brilhante ilustrador Lorenzo Mattotti se encontram para recontar o clássico João e Maria. Familiar como um sonho e perturbador como um pesadelo, o conto narra a saga de dois irmãos que, em tempos de crise e falta de esperança, são abandonados pelos próprios pais e precisam enfrentar com coragem os perigos de uma floresta sombria.
Em um texto poético, Gaiman revive a tradição dos contos de fada, dando profundidade à aventura dos irmãos, mas sem abandonar a autenticidade e o talento único de mesclar realismo e fantasia que o transformaram em um dos maiores autores de sua geração. Mattotti, por sua vez, dá um ar inteiramente novo ao clássico. Seus traços criam um jogo de luz e sombra, permitindo que o leitor desvende aos poucos a imagem, assim como os segredos da história de João e Maria.
Tudo que tio Neil bota o dedo sai melhor do que era, né? Tô ansiosa por essa versão desse conto tão amor! 

Malícias e DelíciasClaire é uma espirituosa jovem de vinte e poucos anos que trabalha num bar (não era esse o plano, mas...) e, muito a contragosto, resolveu ajudar a melhor amiga (uma expert em malícias) a vender brinquedos eróticos bem safadinhos. Na verdade, seu sonho é viver de delícias, ou melhor, abrir uma confeitaria dedicada exclusivamente a doces, cookies e bolos feitos com muuuito chocolate. Quando Carter, um rapaz que conheceu numa festa de faculdade e com quem passou uma única noite (o suficiente para mudar sua vida para sempre!), reaparece na cidade sem demonstrar reconhecê-la, a não ser pelo profundo aroma de chocolate que Claire exala no ar, ela se mostra determinada – aaaai que loucura! – a fazê-lo nunca mais se esquecer dela. Só que existe uma terceira pessoa na relação (divertidíssimo, porém desbocado e inconveniente). Alguém que Carter desconhece e que, das duas uma: ou o obrigará a comprar uma passagem só de ida para o Polo Norte ou o fará o homem mais feliz do mundo!!!
Esse parece um desses livros que nos envolve por completo, parece ser engraçadíssimo. HAHAHA!

O leitor do trem das 6h27 
Um romance sensível sobre o poder dos livros e da literatura.
Operário discreto de uma usina que destrói encalhe de livros, Guylain Vignolles é um solteiro na casa dos trinta anos que leva uma vida monótona e solitária. Todos os dias, esse amante das palavras salva algumas páginas dos dentes de metal da ameaçadora máquina que opera.
A cada trajeto até o trabalho, ele lê no trem das 6h27 os trechos que escaparam do triturador na véspera. Um dia, Guylain encontra textos de um misterioso desconhecido que vão fazê-lo buscar cores diferentes para seu mundo e escrever uma nova história para sua vida.
Com delicadeza e comicidade, Didierlaurent revela um universo singular, pleno de amor e poesia, em que os personagens mais banais são seres extraordinários e a literatura remedia a monotonia cotidiana.
Esse me ganhou pela capa e pelo título curioso, admito. Mas bastou ler a sinopse para o interesse em  ler crescer!

O Mundo das Vozes Silenciadas
Anos após ter deixado o Reino das vozes que não se calam para trás, Sophie começou a trabalhar como assistente de uma famosa banda de rock. Enquanto tenta lidar com os desafios de sua nova vida, a jovem não imagina que em breve será chamada de volta para o seu mundo mágico, o único lugar onde já se sentiu acolhida. E muito menos o quanto sua longa ausência foi prejudicial para o Reino. Será que ela vai precisar decidir outra vez entre a realidade e a fantasia? Uma nova jornada repleta de descobertas e escolhas difíceis espera por Sophie e pelos leitores em O mundo das vozes silenciadas, o novo livro de Carolina Munhóz e Sophia Abrahão e a aguardada sequência de O Reino das vozes que não se calam, que vendeu mais de 30 mil exemplares e figurou no ranking de bestsellers de ficção nacional de 2014 da Nielsen.
Eu amei o primeiro livro, e desde que soube que iria ter continuação fiquei louca! Caroline Munhóz é um exemplo a ser seguido na literatura nacional!

Te Vendo Um CachorroAos 78 anos, Teo se muda para um prédio decadente cheio de anciãos. Passa os dias ouvindo as fofocas nos corredores, nutrindo desejos eróticos pela síndica e calculando quantas cervejas pode beber por dia às custas de um pecúlio que deve durar até sua morte.
O grande evento do prédio é uma tertúlia literária: os participantes se impõem o desafio de ler os sete tomos de Em busca do tempo perdido, intercalando Proust com aulas de modelagem e ginástica aeróbica.
Com este romance, Juan Pablo Villalobos encerra a trilogia sobre o México iniciada com Festa no covil. Mais afiado do que nunca, o autor debruça-se sobre a velhice, o cotidiano e a literatura para tecer uma crítica sagaz sobre a vida em sociedade.
Essa trilogia traz histórias super legais que nos fazem refletir sobre paradigmas da vida que enfrentamos diariamente. Já quero ler!

Cidades de dragões Após lutarem grandes batalhas em Cemitérios de Dragões, Derek, Daniel, Romain, Amber e Ashanti estão de volta à realidade em Cidades de Dragões, segundo livro da série Legado Ranger, estreia de Raphael Draccon pelo selo Fantástica Rocco. Depois de terem sido enviados para outra dimensão, os cinco agora tentam seguir com suas vidas na Terra, mas quando dragões começam a aparecer em diferentes pontos do planeta, deixando um rastro de destruição e morte, eles se veem obrigados a assumir sua responsabilidade e iniciam uma nova batalha que já ultrapassa a barreira entre as dimensões e que pode significar o fim da humanidade ou a sua salvação. Repleto de ação e referências a séries japonesas que marcaram toda uma geração, Cidades de Dragões é a sequência perfeita para uma saga de fantasia épica.
Rafael Draccon é certeza de sucesso, né? Amo os universos fantásticos que ele cria, mais um tesouro nacional, minha gente!


Sonhos partidos
Baton Rouge, capital do estado da Louisiana, nos Estados Unidos, é uma cidade conhecida por seus churrascos no jardim, tardes quentes de verão, barris de cerveja gelada e muitos fãs de futebol americano. Mas no verão de 1989, quando Lindy Simpson, uma das garotas mais bonitas do bairro e estrela das pistas de corrida, é estuprada perto de casa, fica claro que os subúrbios bucólicos de Baton Rouge também têm um lado obscuro.
Para uma vizinhança tão pequena, os suspeitos do crime são muitos. Entre eles o narrador da história, um adolescente obcecado por Lindy que mora na casa em frente à da garota. E é por meio de suas lembranças que somos levados a entender como términos de relacionamentos, culpa e amor podem transformar a vida de maneiras irreversíveis.
Combinando o encantamento da infância com a história de um crime violento, em uma prosa perturbadoramente bela, M. O. Walsh analisa os momentos do passado que afetam de forma mais profunda a vida adulta. Uma estreia excepcional que combina suspense com reflexões filosóficas sobre memória, humanidade e verdade.
Confesso que esse não costuma ser meu tipo de livro, mas me senti estranhamente atraída pela história HAHAHA. Vamos ver se gosto!

Bom, gente, esse são só alguns dos lançamentos que rolaram em Setembro de 2015, os que mais me atraíram, por assim dizer. Vocês recomendam algo que ficou fora dessa lista?
E me falem se vocês curtem esse tipo de post! Devo fazer todo mês?

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

2 comentários

  1. Sabe o que não foi lançado? Isso mesmo, o livro do Felipe Sali.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma calma, que tudo tem sua hora! UHAHUSHU

      Não foi lançado seu livro, mas foi lançada mais uma edição da ME cheia de matérias suas e tals, então não reclama que vc tá em acensão HUASHUAUHSHUAS

      Excluir

Facebook

Twitter