•Saúde•

Ano novo, hábitos novos

terça-feira, janeiro 17, 2017| Postado por: Paloma Inácio

Olá gente, quanto tempo que eu não conseguia escrever nada, aconteceram um milhão de coisas, mas 2016 ficou para trás e estamos diante de páginas em branco para escrever da melhor forma possível. E a frase que tem me guiado é: ‘nada muda se você não mudar’.

Fazendo aquela clássica lista de metas para o novo ano, me deparei com o clássico: emagrecer. Eu e 99% da população ne?! Já fiz um outro post falando sobre minha relação com o corpo, e em 2016 eu realmente perdi o controle da situação, por problemas pessoais e crises de ansiedade passei a descontar tudo na comida, e acabei recuperando todos os quilos que com muito suor tinha eliminado, e tinha conseguido manter por quase 3 anos.

Ano passado eu até buscava uma solução aqui, e outra ali para comer melhor e me exercitar, mas com a rotina maluca, carga horaria enorme de trabalho, faculdade e outros, não conseguia fazer nada de noite, e acabava voltando a comer sem consciência. Em outubro de 2016 eu resolvi que iria fazer academia durante meu horário de almoço (uma correria que só) mas estava conseguindo conciliar e comer melhor, então dia 3 de novembro me acidentei, torci o joelho e parei de andar desde então, (apenas com muletas), no inicio eu estava conseguindo controlar a alimentação, preferindo integrais e etc, mas chegando perto das festas de fim de ano tudo ficou mais difícil, então dei umas ‘jacadas’, apesar disso na semana antes do ano novo eu me informei com fisioterapeuta e ela me aconselhou que se quisesse me exercitar o ideal seria apenas os braços e abdominais apenas deitada no chão, e as pernas apoiadas em uma superfície formando 90 graus, para não forçar o joelho.
Bom, decisão tomada, chegou o primeiro dia útil do ano, logo segunda-feira dia oficial de começar dieta, eu estava assistindo um vídeo de uma blogueira que sigo desde 2013 (se não me engano) a Tamy Gonçalves e ela lançou um desafio e acabou sendo um incentivo a mais para minha nova rotina, o #desafioemagrecersemsofrer , juntou a vontade que já estava de mudar e esse desafio que veio na hora certa e se tornou um incentivo a mais.

O desafio consiste em seguir regrinhas simples e postar em alguma rede social com a hashtag que são:
- Comer de três em três horas
- Ingerir no mínimo 2 litros de água diariamente
- Exercitar pelo menos 3 vezes por semana
- Fazer apenas uma refeição off por semana (a famosa jacada kkk)

E além dessas regras que não é nada radical, a Tamy lança semanalmente desafios especiais, que são:
1ª semana: 1 copo de água com limão ou 1 copo de suco detox por dia (a água com limão eu tenho tido como hábito que pretendo levar pra vida).
2ª semana: Exercicio físico todos os dias da semana, pelo menos 30 minutos.
3ª semana: Não usar açúcar (nem adoçante etc) em nada.
4ª semana: ? (ainda não sei kk).



Para me controlar melhor, e ter um balanço para ver onde posso estar errando, tenho anotado diariamente no bloco de notas do celular as tarefas diárias e todas as refeições, isso me ajuda também, porque sou a louca das listas, então uso isso ao meu favor.
A alimentação tenho conseguido seguir bem, na primeira semana confesso que sentia bastante fome entre uma refeição e outra, mas agora já na terceira o corpo acostumou com a quantidade, e eu tenho me sentido melhor.
A água com limão ajuda muito a controlar a vontade de comer doce, que era um problema que estava tendo antes do desafio que era uma vontade louca de comer principalmente chocolate, mesmo não sendo mais parte do desafio (apenas na primeira semana) tenho tomado todo dia pela manhã um copo meia hora antes do café da manhã.
Agora a parte dos exercícios que tem sido mais complicada para mim, na primeira semana consegui fazer 4 vezes, porém nessa segunda semana eu comecei a tomar um remédio novo para a dor no joelho e ele tem dado muito efeito no corpo, como sonolência extrema, tontura, enjoo e isso tem me limitado ainda mais para exercitar, e na segunda semana consegui fazer apenas duas vezes.

Mesmo que algumas coisas não estejam perfeitamente como eu gostaria, estou feliz em manter o foco, e sinceramente eu desejo muito levar uma alimentação para a vida, não apenas os 30 dias do desafio. Nesses dias, a maior mudança que notei no meu corpo foi uma diminuição significativa nas celulites, principalmente a perna saudável. Como fico muito em repouso tentando recuperar o joelho, o metabolismo anda muito lento, mas não estou tão ansiosa por resultados, entendo minhas limitações, e entendo também que isso não deve ser um castigo, e sim ser levado como algo bom, afinal nutrir e cuidar do meu corpo é uma das melhores coisas que posso fazer por mim.

Vamos seguindo assim meus amores, esse post ficou muito maior do que planejei mas é que são muitas coisas kkkkk. Quero dividir com vocês esse processo e em breve postar os resultados. Quem mais pretende mudar os hábitos nesse novo ano?! Vamos juntos!!!



VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

•Resenha da Daia•

Resenha: Batom Líquido Matte MaHav - Parte 2

sexta-feira, janeiro 06, 2017| Postado por: Daia Carvalho
Olá, pessoal. Tudo bem com vocês?

Há quatro meses atrás eu fiz uma resenha aqui no blog sobre os batons líquidos matte da Mahav, que foi o maior sucesso tendo muitos acessos, inclusive é um dos post mais acessados até hoje, você pode ver clicando AQUI. Com todo esse burburinho, a marca me mandou de presente dezoito batons, seis deles eu já tinha então dei para as meninas (Dúh e Paloma), eu fiquei com doze, sendo seis deles metalizados que terá um post especial só para eles. Nesse post você vai conferir a resenha de mais seis cores, claro que a coleção ainda não esta completa que devido o sucesso que a marca esta tendo, cada dia é uma cor nova, e eu fico mega feliz, eles merecem. Antes de começar quero agradecer a marca pelo reconhecimento e pelos os mimos, é tão bom ganhar batons. ♥ 



Cor 

As cores que ganhei da marca foram: Vermelho Love, Violet, Chocolate, Pink, Nude e Rosê. Nessas seis cores vou continuar com a mesma opinião que tive nas cores anteriores (do outro post), elas são bem fieis as embalagens, pelo menos pra mim deu super certo, já nas fotos dependendo da iluminação e configuração da câmera muda bastante, a secagem continua rápida que pra mim é um ponto positivo. As cores são bem pigmentadas, você não precisa passar várias camadas, com uma camada você consegue um resultado bom, e com duas fica melhor ainda, como eu gosto de ficar perfeito nas cores mais claras eu senti a necessidade de mais de uma mão, isso é algo meu, sempre com batons claros eu faço isso. :)




Cobertura e Durabilidade

Como falei no item acima você consegue uma ótima cobertura em apenas uma camada de batom, e com apenas essa camada você consegue uma durabilidade incrível, quando eu saiu pra comer pizza fora eu volto com o meu batom intacto (claro que como de garfo e isso ajuda bastante manter o batom nos lábios, agora se a comida for bastante gordurosa aí saí mesmo não tem jeito.[OBS: quando eu como pizza em casa é com a mão mesmo]. Quando o batom começa sair é sempre do centro para as bordas (contorno dos lábios). Na minha opinião as cores mais escuras duram bem mais que as claras, não sei se é algo só comigo mas tive essa impressão, por isso que sempre capricho nas mais claras.


Textura, Aroma e Sabor

A textura é super confortável nos lábios com um toque aveludado, ele é bem cremoso também mas não chega a ser pegajoso, ele fixa bem nos lábios e a secagem é bem instantanea, mas isso não quer dizer que ele seja ralo, não é, já vi batons que são megas ralinhos. O aroma continua o mesmo, um cheirinho tão bom e o sabor é super agradavél.

Embalagem

Vocês lembram no meu post anterior que eu falei que a única coisa ruim é que não vinha o nome do batom na embalagem? Agora vem! Eu adoro saber o nome/número dos batons, fica bem mais fácil de responder quando aquela amiga pergunta: - Que batom divino é esse?. E você diz: - É nude líquido da Mahav!.


Nude



Rosê



Pink



Violet



Eu quis colocar essas duas imagens que foram tiradas em dias diferentes para mostrar como a cor varia, a iluminação, configuração da câmera e tom da sua pele faz com que em cada pessoa a cor fique diferente.

 Vermelho Love



Chocolate



O Chocolate teve uma fotinha a mais, só porque estou apaixonada por ele.

Misturinhas

Nesse post resolvi inovar, já que o pessoal adora fazer misturas de cores de batom eu fiz aqui também.

- Violet + Rosê


- Vermelho Love + Nude



- Chocolate + Pink


Onde comprar?

Você pode comprar direto com um revendedor, para saber o mais próximo da sua região você entra no facebook da marca e solicita, você pode deixar nos comentários ou via inbox, eles são super atenciosos e respondem super rápido. Os meus primeiros batons eu comprei no site Revenda de Cosméticos, e no mercado livre também tem para vender. 
Já dei todas as dicas de onde você pode comprar essas lindezas, agora é se jogar e arrasar!

-------------------------------------------------------------------------------------------------------

E aí, gostaram da resenha? Eu sei que tinha gente aí aguardando. Ah, esqueci de avisar quais foram os meus preferidos, eu gostei de todos é claro, mas esse chocolate eu estou apaixonada por ele até agora. HAHAHA

Um super beijo e continuem acompanhando o blog, logo logo saí a próxima resenha. :)



VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

•positividade•

Positividade gera Positividade: e é isso que queremos para 2017

quinta-feira, janeiro 05, 2017| Postado por: Dúnia Majzoub


A vida é cheia de mistérios, alguns dos quais nunca solucionaremos. Mas a vida não é para solucionar mistérios, é para vive-los. E é isso que fazemos. Estamos o tempo todo vivendo coisas que muitas vezes não se explicam. Por exemplo, como as vezes, depois de algum grande e doloroso conflito que você passou na sua vida, quando a poeira baixou, tudo pareceu se encaixar perfeitamente? Tudo pareceu predestinado? E mesmo que o acontecido tenha gerado algum tipo de desconforto na época, no final trouxe algo muito bom?

Um dos mistérios que presenciamos nessa vida também é a lei da atração. Independente da crença de cada um, sabemos que coisas positivas atraem coisas positivas e coisas negativas atraem coisas negativas.

Vimos isso acontecer em 2016. Um ano que começou muito bem, mas aos poucos foi ficando sobrecarregado com os acontecimentos. E cada vez que uma pessoa falava "Não aguento mais 2016" ou "2016 pior ano" essa negatividade das palavras se transmitia para a nossa vida. Deixando sim esse ano cada vez mais difícil.

A minha proposta aqui é que escrevamos juntos um Positivo 2017. Temos em mãos um ano inteiro, um ano em branco, um ano pra pintar da cor que queremos. Vamos levar os pensamentos positivos e os desejos de um bom ano não só para janeiro, mas para fevereiro, março, maio, agosto, dezembro...

Pensamentos, atos, palavras, músicas, pessoas, etc.. Vamos nos cercar de coisas positivas, de coisas que nos fazem bem e fazem bem aos outros. Vamos transformar momentos ruins em bons momentos, boas lições. Não vamos remoer os erros, os inconvenientes da vida, as dificuldades que já passamos e as que estão por vir. Vamos aceitar o que acontece, do jeito que acontece, e levar com a gente só as coisas boas.

Vamos fazer deste o melhor. Use 2017 para ser o que você sempre quis ser. Fazer as coisas que você vive prometendo que fará. Tirar dos sonhos aquela viagem que você sempre planeja. Começar aquilo que fica no "eu sempre pensei em fazer isso, mas...". Mudar de emprego, mudar de cidade, mudar de vida. Vamos sentar e planejar, ou vamos correr a vida para ver o que encontramos. Mas vamos. E vamos agora. Vamos esse ano.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

•Viagem da Daia•

Paraty, o calor do amor!

quarta-feira, janeiro 04, 2017| Postado por: Daia Carvalho
Olha quem esta aqui para mais um post de viagem, euuu! Gente, eu adoro viajar e adoro mais ainda poder compartilhar isso com vocês, é muito bom passar dicas em cima das experiências.

A cidade escolhida para a nossa viagem de casal foi Paraty que fica à 337km à 345km de Praia Grande (depende por onde você for), confesso que a cidade que estava nos meus planos era Monte Verde em Minas Gerais, porém quando fui comprar não achei nenhum pacote legal na data que eu queria, passou uns dias, vi o vlog que a Claudinha Stoco fez em Paraty e fiquei super encantada pela cidade, fui pesquisar, conversei com meu namorado e não é que deu certo. (Monte Verde vai ficar para uma próxima vez).

Não fizemos roteiro para essa viagem, pois acreditamos que viagem boa é aquela que vamos para curtir, descansar, eu apenas pesquisei lugares legais, se desse pra ir tudo bem, e se não desse tudo bem também, tem bastante pessoas que ficam frustadas, e eu já fui uma delas, hoje em dia eu só quero saber do fato de estar lá com quem eu amo, estar viajando e nada mais.




Sexta-feira (23)

Meu namorado estava trabalhando e eu em casa de férias \o/, saí por volta das 15h30 min para encontra-lo perto do serviço dele para irmos, fizemos o Blá Blá, e com a gente foram mais duas pessoas, um senhor de 41 anos e um rapaz de 20 e poucos anos. HAHAHA
Saímos de Santos às 19h e chegamos por volta da 00h na pousada, assim que entramos na pousada faltou energia e ficou sem até a manhã do dia seguinte, vocês não sabem o medo que deu tudo escuro.

Sábado (24)

Eu já havia reservado o nosso passeio de escuna uma semana antes, no sábado acordamos, tomamos café e fomos direto para o caís. O passeio de escuna foi maravilhoso, e ficamos com muita vontade de fazer no domingo, mas tínhamos que ir embora. Após a chegada da escuna que foi por volta das 16h, achávamos que íamos passear no centro, mas nada disso, o sol estava tão quente mais tão quente, que a gente entrou no carro e voltou pra pousada. A noite fomos no centro da cidade para jantar, eu queria muito comer no Restaurante Casa Coupê, porém esse restaurante e os demais do Centro fizeram ceia de natal que custava R$80 por pessoa, preferimos comer uma pizza, que por sinal é muito GOSTOSA lá no Gato no Muro, e não contentes só com a pizza a gente ainda foi comer um açaí, e gente...açaí lá é MUITO barato. Nessa noite demos uma volta na praça e entrei na igreja que estava acontecendo uma missa de natal, que igreja LINDA.

Domingo (25)

Acordamos no horário para tomar café e nos arrumamos para ir a praia, como tínhamos ficamo a primeira noite sem energia eu pedi para a responsável da pousada trocar o horário do nosso check out que seria meio dia, para as quatro da tarde assim aproveitaríamos mais a praia, ela topou e deu tudo certo. Ficamos em dúvida se íamos para Trindade (cidade vizinha), ou para alguma praia de Paraty. Lembrei que a marinheira da escuna tinha indicado a Praia do Jabaquara e foi pra lá que fomos. A praia é muito tranquila, tomamos um açaí no Kiosque do Paulinho e depois alugamos um stand up por R$30 a hora. Eu não consegui ficar de pé, o máximo foi de joelhos, mas meu namorado conseguiu. Após a praia voltamos para a pousada, descansamos e fizemos o check out às 15h e fomos almoçar na Casa Coupê finalmente, eu estava aguada pra comer naquele lugar. Fizemos o Bla Bla Car para a volta também e como já estava marcado para às 16h30min não conseguimos andar mais por lá e nem comprar lembrancinhas. :( 
A volta foi o que demorou mais e o que me deixou mais irritada, pois queria muito chegar em casa e aquele trânsito chato em São Paulo só por Deus. Chegamos em casa era uma e pouca da manhã, foi muito, mais muito cansativo.


Algumas observações que você precisa saber sobre Paraty:


- Lá é caro?

Todo mundo falava: prepara o bolso. Gente, não é bem assim e estou aqui para desmentir, nós que moramos em cidade turísticas também, achamos os preços normais o mesmo que aqui (Praia Grande, Santos), a única coisa que achamos absurdamente caro foi a gasolina que estava custando R$4,49. (Aqui na Praia Grande pagamos R$3,49 e quando esta em promoção a valor chega a R$3,19);

- A cidade é segura?

Sabemos a fama que o Rio de Janeiro tem né, mas acho que deve ser apenas por lá mesmo, que em Paraty achei super tranquilo, andamos com celular e carteira na rua e nada aconteceu graças a Deus, o centro é muito cheio de gente, então achei bem tranquilo. E os dois dias que ficamos por lá não vimos policiamento.

- Como é o clima de lá?

Sabe aquela música rio quarenta graus, então...acho que lá faz uns 60 graus HAHAHA. Paraty é muito mais quente que Praia Grande, e muito mais quente que no Ceará que fui no ano passado, lá é tão calor que a gente não aguentou andar na rua, fomos correndo pro carro no ar condicionado. Já na pousada conseguimos sobreviver com dois ventiladores, ela também ficava no meio do Mata Atlântica então não vinha aquele sol direto. Já no passeio de escuna estava calor, mas como toda hora a gente nadava deu para aguentar.

- Abandone o salto

Pelas poucas vezes que andei a pé no centro foi sofrido até de chinelo, as ruas são feitas de pedras sabe, aí temos que prestar atenção onde pisamos, portanto nada de salto, prefira chinelo ou tênis.

- Saiba pesquisar onde ficar

Como toda viagem que eu faço eu acabo sempre comprando a hospedagem no hotel urbano, e para essa viagem as opções eram bem poucas e não me preocupei em ver em outros sites, o centro da cidade é cercada por pousadas e hostel, tipo muitos, muitos mesmos. Não me arrependo do lugar que eu fiquei porque era lindo, mas assim se eu fosse numa próxima vez eu ia preferir ficar no centro mesmo.


Pousada Sítio Mata Atlântica

Não tenho o que reclamar da pousada, o lugar é muito lindo, calmo, uma paz e cercada por verde, muito verde. Lí todos os comentários que foram feitos no TripAdvisor e Google, muitas recomendações, e tinha gente falando mal também, que na minha opinião foram bem exageradas. No primeiro dia (como citei anteriormente) passamos um apuro de ficar sem energia e dormi num calorão, foi difícil mais foi culpa da empresa de energia do bairro, para compensar a nossa primeira noite sem energia pedi para a Dona Elisângela para que no domingo a gente fizesse o check out mais tarde e ela super topou. O quarto não tem ar condicionado, apenas dois ventiladores que deu conta, não tem sinal de telefone, e o wifi lá só pega na recepção (para mim não foi problema porque fui para me desligar disso mesmo). O café da manhã é simples e delicioso, feito com amor pela caseira que é muito gentil, simpática e atenciosa. Como todo lugar no "meio do mato", tem bichos sim, então é sempre bom passar repelente. Ah, e não posso esquecer do mascote do sítio o Duque, um cachorro muito lindo e carinhoso, o lugar me encantou pelo o verde e pelos animais (cachorros e gatos).
Vale a pena ressaltar que a pousada fica há 20 min de Paraty, então se for ficar lá você terá que ter carro para ir ao centro fazer os passeios.

A entrada da Pousada.

Olha eu lá no fundo. HAHAHA

Ao fundo podemos ver os quartos.



Essa é vista da piscina natural.

Pesqueiro

Escuna Porto Seguro

Vi que os passeios mais famosos na cidade era de escuna para conhecer as ilhas, fiquei mega empolgada para fazer e comecei a pesquisar, teve um blog de viagens (esse daqui) que me ajudou na escolha e logo fui fazer a reserva por WhatsApp, conversei com a Giselle e ela teve todo o cuidado em explicar tudo. Fizemos a escuna no dia 24/12, e saímos com 17 pessoas a bordo (eles se preocupam com o número de pessoas a bordo), o máximo da escuna são 35 pessoas. Assim que chegamos lá, aguardamos na catraca para o receber o ticket, pagamos R$70 por pessoa (no final do post vou deixar todos os gastos). Saímos do caís por volta das 10h30min e retornamos umas 15h30/16h (não lembro ao certo). O passeio é MARAVILHOSO, não tenho o que reclamar fomos muito bem recebidos, eles explicam direitinho sobre as histórias das ilhas. O almoço da escuna é muito gostoso e super recomendo, ao decorrer do passeio eles oferecem frutas, água saborizada e cafézinho por conta da casa. O valor da escuna tem que ser paga no dinheiro, porém o que você consumir dentro dela pode ser paga com cartão de débito ou crédito. Não lembro exatamente quais ilhas visitamos naquele dia, sei que o roteiro é decidido no dia, a vontade de fazer outra escuna no domingo era gigantesca, mas não dava pelo o horário e grana, né?! Na próxima vez que fomos a cidade, vamos fazer escuna de novo pode ter certeza.

Observação: Se você não quiser fazer o passeio de escuna e preferir algo mais particular, lá no caís tem vários barquinhos que você pode alugar, assim que você chega lá os marinheiros ficam oferecendo o serviço. Se você estiver num grupo bom de pessoas, vale a pena dividir e saí bem em conta.



Restaurante Casa Coupê

Eu estava aguada para comer nesse lugar, depois que eu vi no vlog da Claudinha só pensava nisso. HAHAHA
Tentamos comer no lugar no dia 24 a noite, porém todos os restaurantes do centro fizeram cardápio de natal com o valor de R$80 reais por pessoa, e só tinha aquele cardápio e nós não gostamos nem pelo o preço e nem por ser apenas uma opção. Voltamos lá no dia 25 (domingo) para almoçar, o atendimento demorou um pouco, a casa  estava com poucos funcionários o que fez com que a gente aguardasse por quarenta minutos a chegada nos nossos pratos, foi a maior espera da vida. 
A qualidade da comida é maravilhosa, eu pedi um penne com natas e camarão e meu namorado um baby beef, eu super amei e ele super achou caro. HAHAHA

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Agora vamos a parte que a gente chora, os gastos da viagem:

Pousada (duas diárias) - R$316,82
Gasolina - R$160,00
Pedágio (usamos o sem parar) - R$47,10 (ida e volta, porque passamos por SP, se você sair de SP saí R$21,90)
Escuna - R$140,00
Alimentação + Bebidas + Acessórios na escuna - R$160,30
Estacionamento (deixamos o carro para fazer a escuna horário das 08h às 18h) - R$15,00 na nossa opinião bem barato, em Santos você paga R$12 a hora.
Mercado (compramos água, cerveja e chocolate) - R$17,36
Almoço na Casa Coupê  (duas refeições e uma bebida) - R$102,00
Pizzaria (uma pizza média e uma bebida) - R$54,00
Açaí - R$18,00
Açaí na praia - R$14,90
Stand Up (alugamos uma hora) - R$30,00

Fizemos o Bla Bla Car na ida e da volta e entrou no nosso caixinha - R$175,00

SUBTOTAL:  R$1.075,48 - R$175,00 (valor que lucramos com o Bla Bla Car) =  TOTAL R$900,48

* Lembrando que o total de R$900,48 é dividido por duas pessoas, saindo R$450,24 para cada.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Desculpem o post gigantesco, e também a falta de fotos do centro da cidade, mas estava muito CALOOR pra andar lá, e eu nem tirei fotos na cidade e nem comprei lembrancinhas (me perdoem amigos e família), por isso coloquei no título "Paraty, o calor do amor", e também porque foi mais uma viagem feita com o meu namorado. 





Espero que tenham gostado, beijos.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

•Saúde•

1/12 - Dia Mundial da Luta Contra a Aids

quinta-feira, dezembro 01, 2016| Postado por: Daia Carvalho
Olá, pessoal, tudo bem?

A convite do Instituto Luiz Alca - ACAUSA estamos participando, junto com outras blogueiras da região, de uma ação muito importante que é sobre a conscientização sobre a luta contra a Aids. Esse é um assunto que merece total atenção e nós não poderíamos ficar de fora, afinal quando se trata de algo tão sério é nosso dever ajudar a passar a informação. 
O intuito é alertar a população, especialmente os jovens, pois o número de casos vem aumentando na região. Somente nesse ano, a Secretaria de Saúde de Santos (SP) divulgou que, a cada dia útil, é diagnosticado um novo caso de HIV/Aids. O dado significativo também indica o aumento considerável de casos entre jovens, de 25 a 29 anos.
Em 2015, cerca de 280 moradores de Santos descobriram que estão infectados pelo vírus, número 28% maior do que em 2012. No Brasil, o total é de 780 mil infectados.

Foto: Facebook ACAUSA

Instituto Luiz Alca - ACAUSA

O Instituto trabalha há 27 anos apoiando pacientes e familiares portadores de HIV/Aids na região com doação de cestas básicas, remédios e utensílios de uso pessoal. Além disso a entidade promove eventos beneficentes, como o Jantar da ACAUSA e o ACAUSA Wine, cuja a renda é toda destinada para os atendidos. E, para celebrar a importância da data, a entidade está promovendo uma ação especial com blogueiros para que, cada vez mais, a população, em especial os jovens seguidores, saibam a importância da prevenção e sobre o tratamento da doença. 

“Mesmo com toda informação disponível, ainda é muito preocupante o aumento no número de casos, em especial no público jovem. Por essa razão, esse ano tivemos o apoio de diversos blogueiros da nossa região para que eles possam conscientizar seus seguidores sobre a doença”, enfatiza a presidente da entidade Zuleica Elisa Simões Pereira.

Foto: Facebook ACAUSA

Prevenção

A principal forma de prevenção da Aids é o uso da camisinha em relações sexuais, no entanto existe outras formas também de se prevenir, são elas:

  • Utilizar seringas e agulhas descartáveis;
  • Usar luvas para manipular feridas ou líquidos corporais;
  • Seguir o tratamento da AIDS durante a gravidez para evitar a contaminação do bebê;
  • Não amamentar o bebê em caso de AIDS.
Foto: reprodução

A Campanha

Você também, junto com a gente, podem participar dessa super campanha, basta: publicar uma foto nas suas redes sociais (face/insta/twitter) junto com um texto que você pode copiar lá do insta do blog, utilizando um lacinho vermelho (símbolo mundial da luta contra a Aids), ou algum outro ícone da cor (pode ser blusa, esmalte, laço, etc), utilize a #TodosPelaAcausa. As pessoas que postarem poderão aparecer aqui nesse post.



E é claro que tem fotinha da equipe também...





Caso queiram entrar em contato com o Instituto Luiz Alca - ACUSA, segue:

Facebook
Site
Telefone: (13) 3271-9684


** Algumas parte desse texto foi retirado do release enviado pela agência.

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM DE

Facebook

Twitter